Qual pitch é bom para os spinners?

No críquete, os spinners são arremessadores que têm a habilidade de fazer a bola girar na direção ou para longe do rebatedor após o quique. A quantidade de giro imprimido na bola depende da maneira como os dedos e o pulso do spinner giram ao redor da bola. Outro fator-chave determinante para o quanto a bola vai girar é o próprio pitch onde a bola quica.

Os pitchs no críquete são compostos por grama, terra e pó, com o clima tendo um efeito externo sobre sua dureza. Um pitch com mais pó é mais macio. Um pitch assim geralmente favorece os spinners. No entanto, um pitch com muito pó pode ser favorável para o rebatedor também, já que o pó desacelera a trajetória da bola após o quique, assim permitindo que o rebatedor tenha mais tempo para decidir quanto à tacada. Além disso, esses pitches também tendem a manter a bola baixa, o que também permite que o rebatedor marque mais corridas. 

spinners no críquete

Diferente de outros pitchs, um pitch com pó nunca é tratado com rolo. Pelas regras, entre duas entradas, os tratadores têm 7 minutos para passar o rolo ou mesmo nivelar um pitch. Os pitches com pó têm a tendência de rachar sob o rolo, sendo assim, eles não recebem esse tratamento. Esses pitchs são encontrados com mais frequência no subcontinente indiano, um dos motivos pelos quais os melhores spinners do mundo são daquela parte do mundo.

De modo geral, um pitch com pó promete uma boa competição entre o bastão e a bola. No entanto, a vantagem seria dos spinners, que podem virar a bola em qualquer direção.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Copyright 2023 Efbet 365